Sustentabilidade e a Teoria da Cognição em Santiago: reflexões