Ensino jurídico e emancipação: pode o ensino jurídico ser emancipatório?